Pesquisa realizada pelo Instituto MDA para avaliar os benefícios do Programa Luz para Todos foi divulgada pelo Governo Federal

Principais benefícios estão associados à melhoria da qualidade de vida e condições da moradia

Parceria firmada entre o Instituto de Pesquisa MDA e o Governo Federal. Promoveu pesquisas em todo o território nacional a fim de avaliar a opinião da população beneficiada com o programa Luz para Todos analisando os impactos do Programa na melhoria da qualidade de vida dessas pessoas. Foram ouvidos 3.105 beneficiários do programa, em especial os públicos Indígenas, Quilombolas e Assentados rurais. Entre os quesitos analisados estão: melhorias na saúde, educação, renda familiar e conforto.

Confira abaixo o relatório completo.


Um dado interessante levantado foi referente ao percentual das pessoas que consideraram uma melhoria no conforto e nas necessidades domésticas com a chegada da energia elétrica. 92,9% afirmaram que obtiveram melhorias na qualidade de vida e que esta melhoria é atribuída ao Programa Luz para Todos; 81,8% nas condições da casa onde moram; 56,3% consideraram melhorias na segurança; e 40,5% disseram ter melhorado as oportunidades de trabalho.

Com relação às melhorias em saúde e educação após a chegada da energia elétrica 64,2% dos entrevistados disseram ter melhorado as atividades escolares durante o dia e que esta melhoria é atribuída ao Programa Luz para Todos, 50,8% consideraram a melhora nas atividades escolares durante a noite. 47,7% afirmaram melhorias na saúde familiar; e 40,6% consideraram melhorias na disponibilidade de Posto de Saúde.

41,2% dos beneficiados consideraram que a Renda Familiar melhorou, e que esta melhoria é atribuída ao Programa Luz para Todos; 31,8% disseram ter tido melhorias na Produção Agrícola ou Pecuária; e 30,7% na Área de Agricultura ou pecuária.


Programa Luz pra Todos já injetou quase 7 bilhões na economia

Famílias beneficiadas pela luz elétrica puderam adquirir eletrodomésticos

Levantamento realizado pela MDA Pesquisa avaliou os impactos do Programa Luz para Todos. Criado em 2003 pelo Governo Federal, o programa já levou energia elétrica a 15 milhões de brasileiros que vivem em regiões remotas e em áreas rurais.

Dentre os beneficiários do Programa 89,6% recebiam até 2 salários mínimos e pôde-se analisar que houve uma melhora na renda familiar média mensal de muitos entrevistados. Em 2009, a porcentagem de famílias que tinham renda média mensal acima de 1 até 3 salários mínimos era de 36,6% ; já em 2013, o número de famílias pertencentes à esta classe aumentou para 41,1%.

Este aumento de renda refletiu na aquisição de bens de consumo como os eletrodomésticos. O aparelho de televisão foi adquirido por 2.503.000 beneficiados do programa (81,1%); o segundo item mais comprado foi a geladeira, adquirido por 2.407.000 pessoas (78%), seguido pelo celular, adquirido por 1.923.000 dos beneficiados. Foi constatado também que 38,5% dos domicílios passaram por reformas após a implantação do Luz para Todos, o equivalente à 1.187.000 domicílios.

Segundo o Ministério de Minas e Energia, o programa já criou mais de 460 mil postos de trabalhos diretos e indiretos.


Luz para Todos tem 97,20% de satisfação entre os atendidos

92,9% das pessoas disseram que a qualidade de vida melhorou

O Programa Luz para Todos comemorou 10 anos e divulgou dados levantados pela MDA Pesquisa, no período de julho a setembro de 2013. Foram atendidas mais de 3 milhões de famílias o que corresponde a cerca de 15 milhões de pessoas, especialmente indígenas, quilombolas, lavradores, assentados da reforma agrária, moradores do campo e da floresta.

A Pesquisa mostra que 81% das famílias que receberam a energia do Programa Luz para Todos compraram aparelhos de televisão; 78% adquiriram geladeiras; e 62% compraram aparelhos telefônicos e celulares. A maioria das pessoas (93%) disse que a qualidade de vida melhorou com a chegada do programa.

Os dados também mostram benefícios gerados às mulheres, com 244.559 mulheres iniciando a sua atividade produtiva após o Luz para Todos. Houve também um aumento da segurança para elas na comunidade (81,8%); e 309.178 iniciaram ou retornaram aos estudos após o Luz para Todos.


Programa Luz Para Todos

© Copyright 2014 - MDA Pesquisa